Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Funcionamento


Início do conteúdo da página

Funcionamento

O funcionamento interno do CIOp ocorre diariamente por 24 horas, com o serviço de militares estaduais e colaboradores civis, que trabalham em escalas e turnos de seis horas por dia, em ambiente de acesso restrito. Com o passar dos anos, o Ciop foi se aprimorando e passou a realizar também, a partir de 2005, o serviço de monitoramento por câmeras de segurança, em vias públicas, o chamado: videomonitoramento. Assim, o ciclo de funcionamento do Ciop inicia quando o cidadão aciona o Centro através do Call Center 190 ou quando há flagrante de suspeita ou crime observado no Videomonitoramento.

Além da Região Metropolitana de Belém (RMB), O CIOp também supervisiona o atendimento do 190 no interior do Pará por meio dos Núcleos Integrados de Operações (NIOp), em Altamira, Castanhal, Capanema, Conceição do Araguaia, Marabá, Santarém e o Centro de Atendimento e Despacho (CAD) de Salinópolis, ligado ao NIOp Capanema.

 

Atendimento:

O atendente do Call Center 190 recebe a ligação, analisa o teor, classifica e registra as chamadas, e encaminha ao Despacho, via sistema I-CAD Sisgraph.

 

Despacho:

No Despacho ficam os militares operadores de Rede Rádio e seus coordenadores, profissionais responsáveis por encaminhar a equipe para atender a ocorrência de segurança pública. Também, esses são responsáveis por monitorar as informações e fechar a ocorrência de atendimento.

 

Videomonitoramento:

No Videomonitoramento operam profissionais de segurança pública, que observam as 147 câmeras distribuídas estrategicamente na RMB, com o objetivo de observar atitudes suspeitas e/ou flagrantes em segurança pública, além de complementar as operações estratégicas. As imagens também podem subsidiar processos e procedimentos investigatórios. Além da RMB, o setor de Núcleos Regionais do CIOp supervisiona a administração do serviço do videomonitoramento nos municípios de Altamira, Castanhal, Capanema, Santarém e Salinópolis.

registrado em:
Fim do conteúdo da página